Relato PythonBrasil[5]

September 15, 2009 by lucmult Leave a reply »

Foi ótima a PythonBrasil[5].

Primeiramente quero começar dizendo que aqui é um relato pessoal e vou tentar evitar falar das coisas óbvias, como elogiar e/ou agradecer Luciano Ramalho, Senra, Deo, Niemeyer, e outros.

O nosso evento foi muito bom, mesmo Caxias tentando diminuir o seu brilho, com muito frio, neblina e chuva.

Comecei perdendo a palestra do Jacob, devido ao mau tempo de Caxias que atrasou meu voo.

Senti falta de grandes amigos como Bruno Gola, Humberto Diógenes, Werneck, Daniel Cassiano, Lameiro, outros e até o Andrews Medina que estava lá mas nos encontramos pouco.

Aliás, um puxão de orelha para mim, que nessa PythonBrasil, conversei pouco com novas pessoas.

Só no último dia vi quem era o Kao, mau conversei com o nosso promotor do pypy, Santagada, o divertidíssimo ikke e o nosso programador do ano Marinho.

O Marinho com sua palestra relâmpago me convenceu a dar uma olhada no seu “filho” Geraldo Reports.

Vale mais um agradecimento ao Bruno (e ao Yahoo!) e ao xiru que me forneceram caronas nos primeiros dias de boa vontade. :-)

Conheci várias coisas que posso passar a utilizar, o Rudá Figueiras, me mostrou alguns benchmarks com o Zope/Plone, e a ferramente de benchmark FunkLoad – http://funkload.nuxeo.org/ que certamente vamos usar na Simples.

Na palestra Django Apps do Leandro Zanuz, que eu cheguei no finalzinho, eu vi que ele utilizou uma ferramenta legal para o analisar os dados de profile, eu já fiz uns profilers em alguns casos e essa ferramenta pareceu bem útil, mas preciso descobrir qual é. :-/

Alguns fatos em ordem cronológica:

O finalzinho da palestra do Santagada sobre o compilador JavaScript do pypy, me deixou mais motivado a tentar o pypy.

Enquanto o Rudá me mostrava o benchemark do Zope/Plone eu perdia a palestra do Bruno e do Rodrigo Bamboo, que vi só o finalzinho e todos elogiaram, evento bom é isso, enquanto você algo legal você perde outras coisas bem legais.

A palestra do Colin sobre a turbinada que eles estão fazendo no nosso CPython, me deixou mais motivado a estudar o CPython.

A palestra do Niemeyer colocou todos para pensar sobre as nossas qualidades e defeitos enquanto liguagem e comunidade, comparando-os com Java.

O GIL (Global Interpreter Lock), foi referenciado diversas vezes no evento e normalmente citando-o como uma limitação de nossa implementação padrão.

O fato engraçado foi que na palestra do Niemeyer, quando ele começou a criticar o GIL a chuva que nunca parava de cair, virou uma tempetade que fazia um barulho dificultando ouvir a palestra.

A APyB

Tivemos nossa Assembléia, e a votação para a nova Diretoria, agora eu sou Diretor Administrativo. :-)

Depois tivemos um debate sobre a nossa postura sobre as PythonBrasis, porque não tivemos nenhum candidatura no prazo. Prazo prorrogado por 4 semanas. E Curitiba é uma forte candidata.

Minha Palestra

Minha palestra foi após a do Gustavo Niemeyer, entre nossos palestras teve a foto do evento.

Na minha palestra ficaram poucas pessoas. :-( E não sube utilizar bem o tempo.

A material já está on-line, pode ser visto aqui .

Agora é nos prepararmos para começar oreganizar a Python Brasil [6].

Advertisement

One Response

  1. Daniel Cassiano says:

    Que vontade de ter ido.. Infelizmente esse ano não pude comparecer, mas pelo seu relato parece ter sido bem legal, como o de costume.
    Parabéns, novo diretor administrativo! hehe :P

Leave a Reply